Blog Pet Money

Shopping em SP sedia ‘cidade pet’, com Poupa Pet, Cãolégio e RestAU°AUrante
Comentários Comente

Maria Carolina Abe

image004

Uma minicidade com serviços para os animais de estimação vai ser montada neste fim de semana em São Paulo, no shopping Center Norte. O acesso ao evento e às atividades é grátis.

A ''Petópolis'' promete oferecer mais de 20 atrações e serviços num espaço de 500 m2Entre eles:

  • CinePets: exibição de filmes gratuitos voltados para os animais, com temas relaxantes e estimulantes, em parceria com o canal de televisão para bichos Ease TV;
  • Pet Fit: aulas práticas de agility e esporte de circuitos em que o cachorro precisa percorrer uma pista de obstáculos no menor tempo possível;
  • Salão de beleza Ka-Soho:  salão de beleza para cuidar do visual dos pets;
  • Cãolégio: dicas de adestramento, socialização e comportamento animal, dadas pela empresa Cão Cidadão, do zootecnista Alexandre Rossi (Dr. Pet);
  • Poupa Pet: produção de RG do cão ou gato e/ou medalha de identificação de animal;
  • RestAU°AUrante: degustação gratuita de comidas para cães e gatos;

No sábado (24), a partir das 11h, a ONG da ativista Luisa Mell comandará um espaço de adoção de cães e gatos, todos castrados e vacinados.

No domingo (25), às 12h, estarão no evento o adestrador e apresentador Alexandre Rossi, o dr. Pet, e sua cadela-celebridade Estopinha.

A expectativa é receber 5.000 animais com seus donos, segundo os organizadores.

Projeto envolve mais de 20 empresas

Quem teve a ideia e colocou o projeto em prática foi a agência de comunicação Vitamina.

Segundo a diretora da agência, Alessandra Lippel, o projeto envolveu cerca de 150 pessoas e mais de 20 empresas parceiras.

''Petópolis é um projeto itinerante e poderá ser levado para outros empreendimentos dentro e fora da cidade de São Paulo'', afirmou ela.

Serviço:

  • Quando: sábado e domingo, 24 e 25 de setembro
  • Horário: das 11h às 21h
  • Local: Alameda de Serviços do Shopping Center Norte, travessa Casalbuono, 120, Vila Guilherme, São Paulo  
  • Valor: acesso ao evento e atividades gratuitas. O valor dos produtos vendidos (como roupas, casinhas, brinquedos e acessórios) devem ser consultados nos estabelecimentos.

Projeto dá ‘um trato’ em moradores de rua e seus cães hoje no centro de SP
Comentários 5

Maria Carolina Abe

edu-leporo-0668

Alexsandro e seu cão Thor, que foi abandonado na calçada – Foto: Edu Leporo

Neste sábado, acontece uma ação bem bacana no centro de São Paulo. O projeto ''Moradores de Rua e Seus Cães'' (MRSC), com apoio da empresa Bayer, oferece café da manhã, barba e corte de cabelo para os moradores de rua, assim como banho e tosa para seus cachorros.

Também serão distribuídas gratuitamente roupas, calçados e itens de higiene para os moradores de rua, além de produtos veterinários, ração, camas e acessórios para os animais de estimação.

A ação acontece a partir das 9h na praça Princesa Isabel. A empresa diz que, se um morador de rua estiver com mais de um cão, receberá produtos para todos eles e estima que serão feitos cerca de 200 atendimentos.

Quando? Sábado, 17/9, a partir das 9h

Onde? Praça Princesa Isabel, centro, São Paulo

''Nossa intenção é permitir que o cidadão em condição de rua possa escolher a sua peça de vestuário, uma vez que nem sempre podem optar por algo que seja de seu gosto'', afirma Eduardo Leporo, fotógrafo que criou o projeto, em 2012.

''Além disso, ele poderá levar alguns mimos para seu pet e cuidar preventivamente da saúde de seu amigo, colocando uma coleira antiparasitária e, principalmente, realizar serviços a que dificilmente possuem acesso, como é o caso do banho e tosa e corte de cabelo e barba.''

Saiba mais sobre o projeto: https://estafotoeobicho.wordpress.com/category/moradores-de-rua-e-seus-caes/


Azul e Mars vão dar ração de brinde a passageiros que viajarem com pets
Comentários 1

Maria Carolina Abe

viagem

Os passageiros que voarem com seus cães ou gatos pela Azul nos próximos dias, partindo de 14 aeroportos brasileiros, podem ganhar de brinde um sachê de ração das marcas Pedigree (para cães) ou Whiskas (para gatos). A ação faz parte de uma parceria entre a companhia aérea e a Mars, dona das marcas de alimentos para pets. O objetivo é promover o filme ''Pets – A Vida Secreta dos Bichos'', que estreou nos cinemas em 25 de agosto.

A iniciativa começa nesta quinta-feira (15) e acontece por tempo indeterminado. Ao todo, são mais de 5.000 amostras grátis, segundo as empresas. .

O brinde será dado em 14 aeroportos: em São Paulo (Viracopos e Guarulhos), Belo Horizonte, Porto Alegre, Rio de Janeiro (Santos Dumont), Curitiba, Manaus, Cuiabá, Goiânia, Salvador, Recife, Vitória, Belém e Porto Velho.

Para ganhar o presente, o passageiro precisa se apresentar no balcão de check-in com seu animal de estimação.

Regras para transporte de animais em voos domésticos

Um dos pontos mais importantes é o peso do animal e da caixa de transporte: no máximo, 5 quilos. O animal deve ficar dentro da caixa e ela deve ser acomodada entre os pés do passageiro, a bordo do avião. Os bichos devem ter mais de quatro meses.

Cada cliente pode levar apenas um bicho por voo e a taxa de serviço cobrada é de R$ 200. Somando todos os passageiros, só podem haver três pets a bordo, no máximo.

A caixa de transporte deve ser um contêiner rígido (fibra ou plástico) ou uma mala flexível (com hastes internas de metal para reforçar a estrutura), com piso absorvente. O tamanho máximo permitido é de 43 cm de comprimento, 31,5 cm de largura e 20 cm de altura.

Os documentos exigidos são: comprovante da vacinação antirrábica com o nome do laboratório produtor, tipo da vacina e o número da partida/ampola utilizada. A vacina precisa ter sido aplicada há mais de 30 dias e há menos de um ano do embarque. Também é necessário atestado de saúde do animal, emitido por um médico veterinário, com validade de dez dias a partir da data de emissão.

Para viagens com destino a Fernando de Noronha, é necessária também a autorização de entrada de animais na ilha, expedida pela Secretaria de Meio Ambiente e Turismo de Fernando de Noronha. A Azul não transporta animais domésticos em voos internacionais.


Agência usa ‘televisão de cachorro’ em padarias para divulgar filme ‘Pets’
Comentários Comente

Maria Carolina Abe

cena-do-filme-pets-a-vida-secreta-dos-bichos-1467925533962_615x470

A ''televisão de cachorro'' é alvo de olhares atentos aos fins de semana, tanto dos cães quanto dos donos, mas não costuma ser um local muito aproveitado para publicidade. Até que alguém teve uma ideia brilhante.

14192169_1157550360954944_3863868463707584916_n

O forno de frango assado foi o ponto escolhido para divulgar o filme ''Pets – A Vida Secreta dos Bichos'', em padarias de São Paulo e do Rio.

A animação tem como protagonista o cãozinho Max, acompanhado de seus colegas da vizinhança, e mostra o que os bichos fazem quando os donos saem de casa.

A ação de marketing foi feita para a Universal Pictures pela agência digital Salve, do grupo ABC, de Nizan Guanaes e Guga Valente.

''É muito legal quando conseguimos usar um símbolo cultural local para divulgar a chegada de um filme que será sucesso no mundo todo. Juntamente com a ação, um Snapcode levava os espectadores diretamente para o canal do filme no Snapchat, com cenas do longa e também vídeos de formadores de opinião. Mais uma parceria cãopeã entre a Salve e a Universal Filmes'', publicou a agência em sua conta no Facebook.

Sucesso de bilheteria

A animação é dirigida por Chris Renaud, de ''Meu Malvado Favorito'' e ''Meu Malvado Favorito 2″.

Lançada no Brasil em 25 de agosto, desbancou ''Esquadrão Suicida'' e assumiu a primeira posição entre os filmes mais assistidos. Já soma R$ 29 milhões em renda e um público de 2 milhões de pessoas.

Veja abaixo o trailer oficial do filme:


Empresa de tecnologia dá 3 dias de folga para funcionário que adotar animal
Comentários 3

Maria Carolina Abe

Imagem: Divulgação/CA Technologies

Imagem: Divulgação/CA Technologies

Uma empresa norte-americana de tecnologia, com filial no Brasil, decidiu oferecer um benefício diferente a seus funcionários: três dias de folga remunerada para quem adotar um cachorro ou gato, para ''estreitar'' a relação com o bicho.

O objetivo, segundo a CA Technologies, é estimular a adoção de animais entre seus 11 mil funcionários. A escolha dos dias de folga deve ser feita entre o funcionário e seu chefe para não afetar o trabalho.

''Estudos comprovam o bem que o convívio diário com animais faz aos humanos'', afirma o diretor de Recursos Humanos da companhia para América Latina, Sílvio Trindade. ''Com a adoção, os bichos ganham um lar e o ser humano passa a ter uma rotina de menos sedentarismo e estresse.''

O benefício foi estendido a todos os empregados que adotaram um bichinho desde janeiro deste ano.

Kit de boas-vindas e licença em caso de morte

O profissional que adotar um bicho de estimação ganha da companhia um kit, com colher para alimentos, porta-retratos personalizado, bolinha, tigela e bandana.

Em caso de morte do animal de estimação, a empresa também decidiu oferecer uma licença de três dias. “É importante que a pessoa tenha tempo de elaborar seu luto e lidar com esse sentimento”, diz Trindade.

Alguns funcionários postaram fotos de seus pets nas redes sociais. Veja abaixo:

Leia também:

Após chorar por voltar para centro de adoção, cachorro ganha novo lar


Depois de vinho para gatos, empresa lança versão da bebida para cães
Comentários 1

Maria Carolina Abe

Dog behind used wine corks and bootle.

Imagem: iStock/walik

Por que beber sozinho? Com esse slogan, a empresa norte-americana Apollo Peak™ quer chamar a atenção dos humanos e vender mais vinho.

Primeiro, a empresa lançou a bebida para gatos, nas versões Pinot Meow™ e MosCATo™. Agora, saíram as versões para cães: ZinfanTail™ e CharDOGnay™.

vinhos

Da esquerda para a direita: ZinfanTail™, CharDOGnay™,Pinot Meow™ e MosCATo™

Os produtos parecem vinho de verdade, mas não são. Eles não contêm álcool e são feitos de beterraba e ervas orgânicas –no caso dos gatos, usam erva do gato (catnip); para os cães, levam hortelã e camomila.

A empresa diz que as bebidas trazem benefícios à saúde dos pets. No caso dos gatos, ajuda a relaxar. Para os cães, o hortelã tem benefícios para o sistema digestivo e a camomila é um relaxante natural.

gatinho

Tocou, lambeu, relaxou! Modelo prova o Pinot Meow – Imagem: Divulgação

As bebidas são vendidas em garrafas de 350 ml por US$ 17,95 (cerca de R$ 56), mais US$ 3,95 (R$ 12,50) de frete. A venda é feita pelo site da empresa e em lojas parceiras. Infelizmente, os produtos não são entregues no Brasil –apenas nos EUA.

Empresa nos EUA lança vinho exclusivamente para gatos

Vinho japonês para gatos

Em 2013, uma empresa japonesa havia lançado o Nyan Nyan Nouveau, um ''vinho'' especial para os felinos, cujo nome remete ao vinho Beaujolais Nouveau, muito popular no Japão.

Como as novas versões, a bebida também não era alcoólica: era suco de uva Cabernet com vitamina C e erva do gato.

Cerveja para cães

No Brasil, são vendidas algumas marcas de ''cerveja'' para cães. Elas também não são exatamente cerveja. É feita com água e malte, mas não tem álcool e leva sabores como carne ou frango.

599894_454942027912993_1290638406_n

 

Mais informações: http://www.apollopeak.com/


Parque Villa-Lobos tem pista de gelo e trenó para cães; hoje é o último dia
Comentários Comente

Maria Carolina Abe

Petz trenó

Imagem: Divulgação/Petz

O Parque Villa-Lobos, na zona oeste de São Paulo, recebe até as 19h deste domingo (17) uma pista de patinação no gelo gratuita.

Os animais também podem participar da brincadeira usando um trenó, desenvolvido especificamente para eles pela rede de pet shop Petz. O ''veículo'' comporta cães pequenos e médios, de até 12 kg.

É possível passear com o pet no trenó por cerca de 15 a 20 minutos, dependendo da fila.

Como participar?

Basta apresentar documento com foto e preencher um termo de responsabilidade.

Quem pode?

A patinação é permitida para adultos e crianças acima de cinco anos. Menores de 14 anos devem estar acompanhados de pais ou responsáveis e menores de cinco terão trenó à disposição.

Tem proteção?

Os participantes recebem equipamento de segurança: luva, joelheira, cotoveleira, capacete e patins, além do kit de higiene. Cinco monitores ajudam na patinação.

Quanto custa?

É gratuito.

Quando é?

Neste domingo (17), das 11h às 19h

Onde fica?

Anfiteatro do Parque Villa-Lobos
Avenida Professor Fonseca Rodrigues, 2001, Alto dos Pinheiros, São Paulo
Site: http://parquevillalobos.sp.gov.br/

Você consegue contar quantos cachorros existem aqui?

Curtiu?

Curta nossa página no Facebook: www.facebook.com/blogpetmoney
Siga no Instagram (pet_money) e no Twitter (@blogpetmoney)
Mande sugestões para: petmoney@uol.com.br


Vinícola em São Roque (SP) promove desfile e concurso de cães neste domingo
Comentários 5

Maria Carolina Abe

Imagem: damedeeso/iStock

Imagem: damedeeso/iStock

Gosta de vinho e de cachorro? Uma opção de passeio para este domingo (17) é conhecer a vinícola Góes, em São Roque, a 66 quilômetros de São Paulo.

A vinícola promove ''Um Domingo Bom pra Cachorro'', evento em que os donos podem levar seus animais de estimação para visitar a sede da empresa.

A partir das 10h estão previstos shows de cães adestrados e desfile de cães com seus donos. Um concurso irá premiar o maior cão, o menor cão, o mais parecido com o dono, o mais fashion e o mais exótico.

O evento faz parte do Festival de Inverno da vinícola, que vai até 31 de julho, e é organizado em parceria com a a Agroverde S.R. e a Total Alimentos.

Serviço:

Vinícola Góes
Estrada do Vinho, km 9, Canguera, São Roque (SP)
Mais informações: www.vinicolagoes.com.br, (11) 4711-3500 ou atendimento@vinicolagoes.com.br

Empresa nos EUA lança vinho exclusivamente para gatos

Curtiu?

Curta nossa página no Facebook: www.facebook.com/blogpetmoney
Siga no Instagram (pet_money) e no Twitter (@blogpetmoney)
Mande sugestões para: petmoney@uol.com.br


Empresa deixa funcionários levarem cachorros ao escritório, e foi uma festa
Comentários 50

Maria Carolina Abe

Acompanhamos o primeiro dia de Abdul no trabalho; veja como foi

Penteado feito, pulôver novo e gravatinha borboleta: Abdul caprichou no visual para seu primeiro dia no trabalho. Logo que chegou já fez amigos –e foi assim ao longo do dia. Pegou o crachá e o kit de boas-vindas e foi para sua mesa. À vontade, até tirou um cochilo durante o expediente.

pet no trabalho.03

Na última sexta-feira (24), a Nestlé permitiu que os funcionários levassem os animais de estimação à sua sede, na zona oeste de São Paulo. A mineira Raquel Meirelles, 24, trainee de Vendas, levou o pequeno Abdul, de 6 meses.

pet no trabalho.02

OBS: Raquel tem dois cachorros, mas só podia escolher um. Ela optou por levar Abdul porque a outra cadelinha, a Juli, estava se recuperando de uma cirurgia e precisava de repouso.

Como foi? Festa!

Foram 90 (sim, 90!) bichinhos reunidos pela empresa, incluindo alguns gatos pingados –a reportagem contou pelo menos dois felinos no local.

nestle

Quase não coube todo mundo na foto oficial.

pet no trabalho.05

A convivência foi amistosa e pacífica, de modo geral, permeada apenas por alguns latidos, por parte dos cães, e muitos ''óun''s, por parte dos humanos.

nestle4

''Eu lembro de poucos dias em que eu vi tantas pessoas sorrindo ao mesmo tempo com o que está acontecendo, como hoje'', disse o diretor de Recursos Humanos da empresa, Luiz Fruet.

fruet

Se as pessoas ficam cuidando de seus pets, ou apreciando o bicho alheio, elas não acabam trabalhando menos? Segundo Fruet, isso pode até acontecer no dia do evento em si, mas o impacto da ação entre os funcionários e no ambiente de trabalho ''não poderia ser melhor''.

Pesquisas apontam que ter cães no escritório ajuda a reduzir o estresse, aumenta a interação entre os funcionários e melhora o ambiente de trabalho.

Segundo o diretor de RH da Nestlé, o ''Pet Day'' foi um teste e a ideia é repetir a experiência.

Como lidar? 

Antes de receber a cachorrada toda, no entanto, a empresa precisou se preparar e estipular algumas regras com os funcionários.

Primeiramente, um andar inteiro do prédio foi reservado para ser ''pet free'', ou seja, um espaço para quem não gosta de bichos, tem medo ou alergia, por exemplo. A empresa também aconselhou que todos tentassem marcar reuniões para outros dias.

Ao chegar ao prédio, cada animal recebeu um crachá com seu nome, além do nome e telefone do dono. Ganharam um kit com vasilha para comer/beber e tapete higiênico.

nestle5

Os donos foram instruídos a manter o pet sempre com coleira, no colo ou no chão, mas por perto. Também deveriam ter um plano B para levar o bicho de volta para casa se algo desse errado.

Evento importado 

O ''Pet Day'' fez parte da Semana de Qualidade de Vida da Nestlé, que teve atividades para promover o bem-estar dos empregados. Foi a primeira vez que a companhia liberou a visita dos animais de estimação ao escritório em São Paulo.

O evento foi inspirado em uma iniciativa que já existe no exterior. O ''Take Your Dog to Work Day'' (Dia de Levar seu Cão ao Trabalho) foi criado no Reino Unido em 1996 e nos EUA em 1999 e acontece sempre em uma sexta-feira durante o verão.

A ideia foi da associação Pet Sitters International –que reúne ''babás'' profissionais de bichos de estimação– para celebrar a companhia dos cães e promover as adoções. A proposta é que os funcionários apresentem seus cachorros aos colegas de trabalho, incentivando-os a adotar um bichinho.

A entidade fornece apoio e informações às empresas sobre como se adaptar para receber os bichinhos. Eles não têm nenhum tipo de número ou registro de quantas companhias participam da ação, mas afirmam que o interesse pelo evento aumenta a cada ano.

Na internet

Vários funcionários compartilharam sua experiência nas redes sociais. Veja alguns casos abaixo.

Na maioria dos casos, deu tudo certo, mas… sempre há exceções.

Curtiu?

Curta nossa página no Facebook: www.facebook.com/blogpetmoney
Siga no Instagram (pet_money) e no Twitter (@blogpetmoney)
Mande sugestões para: petmoney@uol.com.br


Cão pastor é vendido por quase R$ 75 mil em leilão na Inglaterra
Comentários 3

Maria Carolina Abe

13178736_1237887816256724_5034055628723535516_n

Ele não é só mais um rostinho bonito. O Border Collie Cap é também muito bom no que faz. Tanto que alguém decidiu pagar 14.805 libras esterlinas (cerca de R$ 75 mil) para levá-lo para casa –ou melhor, para o pasto.

O cão pastor de 16 meses foi vendido na sexta-feira (13) por essa fortuna em um leilão em Skipton, uma cidade em North Yorkshire, na Inglaterra. O valor foi recorde, segundo a imprensa especializada. O comprador foi uma pessoa da Irlanda do Norte, não identificada.

O que faz de Cap um trabalhador tão valioso? ''Ele é um cão especial, com poder verdadeiro, e tem um efeito calmante nas ovelhas'', disse Padraig Doherty, criador do cachorro em entrevista à rede britânica BBC. Ele tem uma criação de cães de pastoreio no condado de Donegal, na Irlanda.

Veja Cap em ação clicando no vídeo abaixo: